quinta-feira, 13 de dezembro de 2012

POLÊMICA: Desvio de verba na Câmara de vereadores de Santana do Ipanema-AL pode chegar a R$ 1 milhão de reais(atualizada).

Policiais em frente a câmara de Santana do Ipanema-Al.

Na manhã desta quarta-feira (12), o Promotor Público Luiz Tenório Cavalcante, representando o Grupo Estadual de Combate às Organizações Criminosas (GECOC), acompanhado por Policiais Militares do Batalhão de Operações Especiais (Bope), cumpriu mandato de busca e apreensão de documentos na sede da Câmara de Vereadores de Santana do Ipanema, expedidos pela 17ª Vara Criminal da Capital, a fim de colher provas que comporão a peça processual na qual pesa sobre aquele órgão público e seus edis a acusação de mau uso da verba de gabinete que segundo a promotoria pode comprovar um desvio de R$ 1 milhão. .


A denúncia formulada no ano de 2011 envolve, segundo o promotor, a compra de combustíveis praticada por vereadores que aponta irregularidades constatadas em uma auditoria nas contas do daquele Legislativo realizada pelo Ministério Público Estadual (MPE) que caracteriza o esquema investigado como uma formação de quadrilha que tinha o apoio de comerciantes locais.

O representante do GECOC disse em uma coletiva transmitida ao vivo pela Rádio Milênio FM que a ação foi necessária, justificando que a investigação se encontra em estágio avançado e que indícios fortes levaram a decisão do Grupo Estadual de Combate às Organizações Criminosas que determinou a coleta desses documentos para fechamento do processo e posteriores ações da Justiça.

Disse também que estão sendo investigados vereadores de outras legislaturas e não descarta que prisões possam ser solicitadas em breve.

Por Valter Filho/Jota Silva.

0 comentários:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...